A SALA DE AULA INVERTIDA COMO ALTERNATIVA INOVADORA PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA

THE FLIPPED CLASSROOM AS AN INNOVATIVE ALTERNATIVE FOR PRIMARY EDUCATION

Autores

  • Luiz Gustavo da Silva Bispo Andrade Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe
  • Lucas Antônio Feitosa de Jesus Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe
  • Rodrigo Bozi Ferrete Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe
  • Ronney Marcos Santos Universidade Federal de Sergipe

Palavras-chave:

Educação Básica, Metodologia Ativa, Sala de Aula Invertida, Tecnologias Digitais

Resumo

Este artigo trata das metodologias ativas de aprendizagem, especificamente a sala de aula invertida e o que ela pode significar no processo de ensino-aprendizagem. Essa abordagem é conhecida como Flipped Classroom, na qual o aluno tem contato com o conteúdo escolar antes de estar na sala de aula, fazendo uso da internet como recurso de aprendizado. Pautou-se numa pesquisa bibliográfica, seguido de um estudo de caso sobre o uso da metodologia em sala de aula, na qual fizemos a articulação das ideias de respeitados autores que tratam de metodologias ativas e inversão da sala de aula. O trabalho foi desenvolvido em uma escola pública da Rede Estadual de Sergipe, em cinco turmas de Língua Portuguesa da terceira série do Ensino Médio. Através do trabalho desenvolvido, percebemos o interesse dos alunos, quando elogiavam o fato de já irem à aula sabendo o que seria discutido, o que nos fazia ganhar tempo para as discussões, como também para amadurecê-las, elevando o rendimento dos estudantes. Desde 2017, que as notas de redação das turmas, em avaliações internas e externas, cresceram exponencialmente, comprovando mais uma vez a eficácia do método.

Publicado

2020-04-24